Plataformas de streaming têm crescimento de 77,9% no total de horas assistidas em 2020

Twitch liderou a audiência, seguida pelo YouTube Gaming, que investiu em conteúdo autoral. Facebook Gaming triplicou suas horas assistidas apostando na integração com Microsoft

Ilustração: Felipe Mayerle
Read in english

2020 foi “o ano” para as plataformas de transmissão ao vivo. As restrições e o isolamento imposto pela pandemia de COVID-19 no mundo inteiro tornaram as transmissões ao vivo ainda mais atraentes para milhões e milhões de pessoas. É o que mostram os números das três principais plataformas de videogame, Facebook Gaming, Twitch e Youtube Gaming.

De acordo com compilado feito pelo Streamlabs and Stream Hatchet, juntas as três plataformas registraram quase o dobro de horas assistidas no quarto trimestre de 2020 em comparação ao quatro trimestre de 2019: foram nada menos que 8,3 bilhões de horas assistidas contra 4,2 bilhões de horas no ano anterior. 

LEIA TAMBÉM: Como as plataformas de streaming dão nova audiência global às produções latino-americanas

Considerando o total de horas assistidas em todo o ano, 2020 atingiu a marca de 27,9 bilhões de horas de conteúdo contra 15,7 bilhões de horas assistidas em 2019, um crescimento de 77,8%. 

Aposta em acordos com liga esportivas deu certo

Uma análise feita pelo eMarketer e pelo Intelligence Insider traz alguns insights sobre as razões desse boom das plataformas de streaming para além dos impactos causados pela pandemia de COVID-19.

Focada na transmissão de shows (recurso crucial para artistas que tiveram suas apresentações ao vivo canceladas) e conteúdos de esporte (como jogos da NFL e NBA), o Twitch liderou a audiência nas transmissões ao vivo, atingindo 5,4 bilhões de horas assistidas no quarto trimestre, ou seja, 65,8% do total de horas assistidas em todas as plataformas nesse período. 

LEIA TAMBÉM: A Netflix será líder em streaming na América Latina ainda por um bom tempo

Já o Youtube Gaming alavancou sua audiência com acordos com ligas de esportes e com produção de conteúdo autoral, levando 23,3% do total de horas assistidas em todas as plataformas no quarto trimestre. A grande sacada da plataforma foi o acordo para a transmissão da Overwatch League e da Call of Duty League. Graças à produção de conteúdo autoral, o Youtube Gaming informou que mais de mil criadores de jogos conquistaram 5 milhões de assinantes no ano passado. 

Terceira plataforma com maior audiência no ano passado, o Facebook Gaming se beneficiou da integração com o Mixer da Microsoft. Com a integração, o Facebook Gaming quase triplicou suas horas assistidas em 2020, chegando a 3,1 bilhões de horas assistidas.